Blogger Templates by Blogcrowds

Oscar 2010 - Primeiras Apostas - Parte 1

Faltam alguns meses para o Oscar 2010, mas as apostas e as opiniões já começaram a surgir. E eu resolvi separar os favoritos em cada categoria.

E para começar, apontarei os favoritos à Melhor Filme:



Um Olhar do Paraíso de Peter Jackson
As expectativas para o novo filme de Peter Jackson são enormes. Após um belo trailer e algumas imagens oficiais surgirem na internet, as apostas só aumentaram, e o filme vem se tornando um dos maiores favoritos a indicações. Apesar de ser um filme de menor escala na carreira de Jackson, nota-se que o filme tem uma produção caprichada, um roteiro cuidadoso (adaptado do livro The Lovely Bones) e atuações fortes, principalmente a de Stanley Tucci que interpreta o assassino perturbado e que é um dos favoritos na categoria de Ator Coadjuvante. Jackson tem grandes chances de figurar na categoria de melhor direção. Além de uma carreira sólida, a Academia o adora, e este drama deve lhe dar mais uma indicação, e talvez, mais um Oscar (mas ainda é muito cedo para afirmar isto). A jovem Saoirse Ronan também tem grandes chances de figurar entre as melhores atrizes coadjuvantes e Susan Sarandon até tem suas chances de ser indicada a Melhor Atriz. Acho muito difícil Mark Walhberg ser indicado, mas é provável. O filme deve figurar também nas categorias técnicas como Fotografia, Categorias de Som, Edição, Trilha Sonora e Efeitos Especiais (muito bons e inovadores).

Nine de Rob Marshall

Este também é um dos favoritos e está em 99% das listas de apostas e opiniões sobre o Oscar 2010. Não é pra menos, afinal o filme é de um cineasta que já teve um filme seu agraciado com um Oscar e tem certo prestígio na Academia, tem uma boa premissa e um elenco que há muito não se via: Daniel Day-Lewis, Nicole Kidman, Penélope Cruz, Judi Dench, Kate Hudson, Marion Cotillard e Sophia Loren. A briga de atuações entre as mulheres vai ser muito boa, e com certeza os votos serão divididos e é muito provável que mais de uma seja indicada ao Oscar de Atriz Coadjuvante. Day-Lewis é quase certo na categoria de Ator, Marshall tem grandes chances de ser indicado na categoria de melhor Direção. Tenho dúvidas sobre o roteiro, mas pode ser que seja indicado. O filme deve de ser indicado a uma porção de categorias técnicas como Fotografia, Arte, Figurino, Edição, Música(s), Categorias de Som, entre outras.

Invictus de Clint Eastwood

Muitos dizem que este é o ano de Clint Eastwood no Oscar. Eu não acho. No último ano, dois filmes seus foram lançados (Gran Toriono e A Troca), todos diziam que ele era o favorito ao Oscar. No fim, nenhum de seus filmes foi indicado nas categorias principais. Apesar do ano estar bem concorrido, Eastwood tem grandes chances de figurar na categoria de Direção (muito mais chance que Marshall, creio eu). Invictus é tudo o que a Academia ama: história que se passa em outra época, com uma forte atuação, com um forte diretor, sobre um grande homem e sua vida. O filme conta a história de Nelson Mandela e tem Morgan Freeman no papel principal. Freeman esta quase certo na categoria de Ator. Matt Damon pode figurar na categoria de Ator coadjuvante (isso se ele não concorrer como Melhor Ator por O Informante e acabar concorrendo contra Morgan Freeman). O roteiro deve ser indicado. Não acredito que o filme seja indicado a muitas categorias técnicas. Talvez apenas a Edição e Trilha Sonora (as trilhas dos filmes de Eastwood sempre são excelentes).

A Serious Man de Joel e Ethan Coen

Confesso que torço mais para Um Olhar do Paraíso, Onde Vivem os Monstros, A Estrada e este A Serious Man, novo dos Irmãos Coen. Depois de ganhar o Oscar por Onde os Fracos Não Têm Vez, os irmãos ganharam prestígio e espaço para fazerem o que bem entendem. O trailer deste filme é simplesmente fantástico, um dos melhores trailers do ano, na minha opinião. O filme tem fortes chances de figurar entre os dez indicados a Melhor Filme. O filme é tudo o que a Academia gosta. Os Coen também têm grandes chances de figurar entre os melhores diretores, embora suas chances de vitória sejam poucas. Micahel Stuhlbarg tem fortes chances como Melhor Ator. Richard Kind pode figurar entre os Atores Coadjuvantes. Tem fortes chances em roteiro. Nas categorias técnicas, tem alguma chance em Direção de Arte, e boas chances em Edição. O que pode atrapalhar este filme é a recente vitória dos Coen em 2008. Torço por este filme...

A Estrada de John Hilcoat

Uns dizem que tem chance. Outros dizem que é um simples filme de ação dirigido por um estreante. Eu, particularmente, torço firmemente por este filme. A minha maior vontade é vê-lo na lista dos dez indicados. Pode ser prejudicado por uma série de fatores, mas tento não imaginá-los. Dificilmente será indicado a melhor Direção, pelo fato de Hilcoat ser pouco ou nada conhecido, a não ser, é claro, que sua direção seja inovadora e realmente convença os votantes. Viggo Mortensen tem grandes chances de estar entre os indicados a melhor Ator, principalmente por ser ele a espinha dorsal do filme e levá-lo praticamente sozinho. Tem chances em roteiros, mas esta categoria já está bem disputada. Fora estas principais, o filme deve ser indicado a Fotografia (mais que merecido, pelo que se nota em fotos e vídeos), Edição e Categorias de Som. O filme é baseado no livro de Cormac McCarthy (Onde os Fracos Não Têm Vez) e pode surpreender...

Avatar de James Cameron

Este aqui esta indo ao contrário dos outros: ao invés das apostas aumentarem, elas só diminuem. Talvez seja pelo frustrante trailer lançado há uns meses atrás. O trailer não é ruim, só que a expectativa era muito maior. Cameron enchia a boca para falar que este filme era revolucionário, mas o que foi visto no vídeo não foi tudo isso. Os alienígenas não parecem tão reais e o CGI pode ser notado claramente em algumas tomadas. O filme é corajoso e Cameron tem uma inteligência enorme, pois criar todo um planeta com fauna e flora próprias não é fácil. A história é bem simples, mas isso não é problema, afinal, a história de Titanic também era bem simples e o filme acabou ganhando 11 Oscar. As probabilidades de Cameron estar entre os indicados a Melhor Direção são altas, pois deve ser inovadora e cuidadosa. No quesito das atuações não será indicado em nenhuma categoria, creio eu. Devera ser indicado a Edição, Arte, Categorias de Som, Efeitos Especiais(certeza), Maquiagem, entre outras. Acho muito difícil ser indicado a Fotografia, pois os cenários são quase todos digitais. Duvido que o roteiro seja indicado.

Guerra ao Terror de Kathryn Bigelow

Este foi o único que já assisti. E lhes garanto: tem chances. O incrível é constatar que este filme extremamente tenso é dirigido por uma mulher. Não que uma mulher seria incapaz de dirigir um filme desse tipo, é que o gênero "guerra" sempre chama mais atenção de homens. Tenso e muito bem dirigido, o filme vem se tornando cada vez mais forte nas apostas, e a distribuidora do filme aqui no Brasil deve estar arrependida de não ter lançado o filme nos cinemas, e sim, direto em DVD. Um erro gigantesco! A direção documental de Bigelow merece ao menos uma indicação, e tem boas chances. Talvez reste uma vaga para Jeremy Renner como melhor Ator, o que não seria ruim. Muito difícil é a indicação de Anthony Mackie como Ator Coadjuvante, mas não é impossível. Merece (e deve) ser indicado a melhor Fotografia e com certeza a Melhor Edição, que é uma das melhores coisas do filme. Tem chances de concorrer nas categorias de som. Um ótimo filme.

Onde Vivem Os Monstros de Spike Jonze

Este é outro filme que torço firmemente. Jonze é um cara estranho que faz filmes estranhos. E este seu último filme não deixa de ser estranho, porém cheio de alma e mensagens. A cada trailer, cada foto, cada cartaz a ansiedade só aumenta tal qual uma cumplicidade com os personagens que é inexplicável. A indicação a Roteiro Adaptado é quase certa. Jonze tem grandes chances de ser indicado a Direção. No ramo das atuações o filme não ganha indicações. O filme tem chances em Fotografia, Arte, Edição, Trilha Sonora(perfeita!) e Efeitos Especiais. Torço por este filme!

An Education de Lone Scherfig

Um drama bem ao estilo da Academia. Este filme conta a história de uma jovem que se apaixona por um homem mais velho que ela que começa a cortejá-la com jantares e presentes caros, em pouco tempo este homem conquista o pais da jovem, mas todo esse romance pode atrapalhar os estudo da jovem em Oxford. Até que a premissa não é ruim, e o roteiro parece guardar muito mais que a sinopse recém citada apresenta. O filme está presente na maioria das listas de apostas e opiniões e provavelmente será indicado. Scherfig tem chances na categoria de Direção. Carey Mulligan deve ser indicada a Melhor Atriz, Peter Sarsgaard em Ator Coadjuvante e Emma Thompson como Atriz Coadjuvante. Chances em Roteiro, Edição, Fotografia, Arte, Figurino e Trilha Sonora.

Up - Altas Aventuras de Pete Docter e Bob Peterson

Entra ano, sai ano, e em todos eles todos torce pelas animações da Pixar, só que no fim nenhuma consegue uma vaga. Eis que a chance chegou. Agora com dez vagas na categoria principal, Up tem grandes chances de ser indicado. Após Wall-e não conseguir o ápice, a Academia provavelmente irá se redimir indicando Up. Mas este só será indicado porque tem mais vagas, pois se fossem apenas as cinco antigas vagas, Up dificilmente entraria na lista. Dificilmente será indicado para melhor direção. Tem chances em Roteiro Original (como sempre), Melhor Animação e em categorias de som. Nada a mais. Infelizmente.

Up In The Air de Jason Reitman

Este é o "Juno" e o "Miss Sunchine" do ano. Comédia, original, com um diretor de prestígio. Sinceramente não gosto de Reitman e não estou ansioso para este filme, mas não posso ignorar o prestígio que o filme vem recebendo. Vem ganhando seu espaço nas listas apostas e tem grandes chances de figurar entre os indicados. Se Juno foi indicado quando a categoria tinha apenas cinco vagas, este com certeza será indicado. Tem chances em Direção (!), Ator, Atriz Coadjuvante, Roteiro Original e Edição.

Distrito 9 de Neil Bloomkamp

Ganhar? Não. Ser indicado. Talvez. Este é o filme que todos sabem que não ira ganhar, mas que todos querem ver entre os indicados. Imagine o nome deste filme ao lado de filmes como Invictus e Um Olhar do Paraíso na noite da entrega dos prêmios! O filme vem sendo tachado como o melhor filme do ano "até agora" e vem fazendo um sucesso monumental nos EUA e fará um grande sucesso fora do país também. Divertido e original, até os maiores críticos de cinema estão começando a assumir o poder e o prestígio que o filme vem conquistando. Muito dificilmente será indicado a Direção. Até tem chances em Roteiro Original. Tem boas chances em Fotografia, Edição, Categorias de som e Efeitos Especiais.

Precious de Lee Daniels

Este filme vem ganhando força cada vez mais. Desde que foi lançado nos festivais o filme já entrou nas listas de apostas. Tem polêmica, uma história pertinente e ótimas atuações. A rapper Mo'nique é quase certa na categoria de Atriz Coadjuvante, e é favorita até mesmo ao prêmio. Tem fortes chances em Direção com Daniels, Atriz, Roteiro Adaptado e Edição. Pode surpreender...

Amelia de Mira Nair

Embora tenha poucas chances na categoria principal, este drama de Mira Nair pode surpreender devido a produção caprichada e um bom elenco. Como sempre Hilary Swank dispara como favorita na categoria de Atriz. Tem poucas chances na direção, mas grandes possibilidades em Fotografia, Figurino, Arte, Categorias de Som e Roteiro Adaptado.

Bastardos Inglórios de Quentin Tarantino

Tarantino é Tarantino. Sempre terá o seu espaço nas premiações. Polêmico e sempre original. Tem chances nas categorias principais, mas estas não são grandes. O que pode atrapalhar é o lançamento muito antes da cerimônia. Pitt não tem muitas chances na categoria de Ator. Tem chances em Fotografia, Figurino, Arte, Edição, Roteiro Original e Ator Coadjuvante. Mas não espere muitas indicações.

Inimigos Públicos de Michael Mann

Muita gente diz que este filme tem grandes chances. Eu não acho. Além de ter sido lançado muito antes da cerimônia o filme não é grande coisa. Talvez seja superestimado. Tem chances, mas não muito grandes. Possibilidades em Ator (Johnny Depp, como sempre), Figurino, Arte, Edição e Categorias de Som.

O Desinformante de Steven Soderbergh

Soderbergh é um cara estranho. Tem projetos estranhos. A cada um filme bom, lança dois ou três ruins ou medianos. Este parece ser um ponto alto na sua carreira. Tem boas chances na categoria principal, e com sorte Soderbergh pode até conseguir uma vaga como melhor Direção. Matt Damon é quase certo na categoria de Ator. Com a saída de Shutter Island de Scorsese este filme tem chances de figurar entre os dez finalistas. Chances em Roteiro Adaptado.
____________________________________________________________________

Então é isso!
Creio que estes são os favoritos a serem indicados ao Oscar. Acredito que apenas estes filmes serão indicados. Dificilmente outro filme entrará na lista, a não ser que de repente surja algum filme muito bom. Mas creio que os recém citados já são, desde já, os favoritos.

Em breve continuarei com o artigo. Na próxima parte apontarei os indicados a Melhor Direção.

Façam suas apostas...

...e comentem...

Matheus Pereira

4 comentários:

Matt, gostei do texto. Mas há inumeros erros ai, mas comentarei no topico do oscar la na PREVIEW.

20 de setembro de 2009 01:28  

Tá difícil é controlar a ansiedade de assistir tanta coisa boa! As coisas por aqui chegam no conta gotas! Irritante.

20 de setembro de 2009 14:02  

* Ansioso por "NINE" *

23 de setembro de 2009 00:34  

No caso de The lovely bones sua opinião está invertida uma vez que o papel principal é de Saoirse Ronan e eu espero que ele seja cotada (como já é a aposta de muitos) a melhor atriz ,amo os trabalhos dela que já foi indicada uma vez a atriz coadjuvante e provavelmente não teve muita chance de realmente ganhar por ser muito jovem(o pessoal da academia é meio resabiado e tenta agradar o publico mais que julgar valor).
Já Susan Sarandon que pelo que eu vi de críticas das previas tem grandes chances como atriz coadjuvante.

12 de dezembro de 2009 01:29  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial