Blogger Templates by Blogcrowds

Pipoca Net - 1 Ano

1 Ano

Ual! Três letrinhas ilustram a minha reação ao olhar para trás. Um Ano! Parecem que, no mínimo, dois ou três anos passaram-se dentro destes trezentos e sessenta e cinco dias. Não só no blog ou no universo cinematográfico, mas na minha vida pessoal. Foram tantas pessoas, foram tantos acontecimentos. Amadureci muito nestes dias. Não posso dizer se minha escrita melhorou (você, leitor, deve dizer isso), ou se minha percepção sobre a vida ou sobre o Cinema mudou, mas posso dizer que muito em mim está diferente.

Há pouquíssimo tempo, assisti a belíssima animação Mary e Max - Uma Amizade Diferente, que fala sobre duas pessoas, uma australiana e outra nova-iorquina, que trocam cartas durante anos e anos, e nutrem uma profunda amizade mesmo sem se conhecer pessoalmente. A história me fez olhar para o meu próprio mundo, afinal, algumas das melhores pessoas que conheci neste último ano são de outros lugares, conversam comigo e nutrem uma amizade virtualmente, e não os conheço pessoalmente. E é necessário? Sei um pouco sobre suas vidas, seus costumes, seus gostos, suas paixões, conheço o ser humano que vive dentro de cada um deles. Conheço o que há por dentro. Dito isso, refaço a pergunta: é necessário conhecê-los pessoalmente para admirá-los? Para serem meus amigos? É óbvio que seria magnífico se um dia nos conhecêssemos, nos sentássemos todos juntos ao redor de uma mesa e conversássemos, dentre tantas outras coisas, sobre vida e Cinema.

Graças a estas sensacionais pessoas que este blog existe. Lembro muito bem quando a ideia do blog surgiu, lá na comunidade de certa revista sobre cinema. A comunidade tinha poucos membros, e em suma, apenas três postavam suas opiniões lá. Eu, o Caio e a Anabela. Três pessoas que se identificaram na hora, não só por gostarem da mesma revista ou por serem cinéfilos, mas por dividirem opiniões. O blog começou pequeno, com outro visual e tímido. Aos poucos, quanto mais membros na comunidade, mais pessoas conheciam o blog, afinal, a comunidade no Orkut foi nossa grande vitrine. Foi lá que começamos a divulgação e nossas maiores críticas e elogios vêm de lá. O blog, de certa forma, veio de lá, nasceu graças a ela.

Neste ano o cinema sofreu algumas mudanças. Tomou um novo rumo com o longa de James Cameron, Avatar. Depois dele, 3D virou uma febre. Nestes pouco mais de trezentos dias, o blog acompanhou fenômenos nascerem, do já citado Avatar ao mais recente A Origem. Assim como a sétima arte, o blog teve seus altos e baixos. É vergonhoso, eu sei, olhar para uma parte de nossa pequena história e ver duas postagens em um mês. Mas o que motivava, era ver que os fiéis leitores incentivavam, davam força, pediam postagens e davam ideias. Eles queriam um renascimento, eles queriam o Pipoca Net vivo de novo.

Sei que, talvez, não nutrimos todas as expectativas, mas foi um ano cheio. Como disse lá no início, muita coisa aconteceu. Tempo para o blog era raro. Há tempo, mas não aquele tempo necessário para sentar, pensar, escrever um bom texto, fazer uma revisão descente e proporcionar um visual agradável. Tempo para isso tudo não há. Escrever um texto ou uma crítica, não é tão fácil. Não pense que é simples sentar e elogiar ou criticar um filme. É necessário dissecá-lo, traçar paralelos. Não é só dizer: é bom, é ruim, a nota é tal. O filme em si merece respeito, você, leitor, merece respeito.

Não foram muitos e muitos textos, perto de outros blogs pode parecer pouco, mas como dizem por aí, quantidade não é sinônimo de qualidade. E só você pode nos dizer se estamos no caminho certo, só você pode nos dizer se temos qualidade ou não. Novos caminhos estão sendo traçados, estamos recém no início de novas caminhadas. É esperar pra ver. O Fernando está se preparando para sua estreia, e os outros vão voltando aos pouquinhos.

Foram ótimas escolhas, outras nem tanto. Críticas rodeadas de elogios, outras rodeadas de... críticas. Especiais que chamaram atenção e foram elogiados (Melhores Momentos - Anos 2000, por exemplo), textos que aqui e ali escrevem nossa história. Nós escrevemos nossa própria história, você escreve a nossa história.

Só tenho a agradecer, milhares de obrigados que não cabem neste singelo texto. Obrigado a todos que acompanharam o blog nas horas boas e nas horas difíceis, obrigado a você que lê este texto agora, obrigado a cada um de vocês.

E seguimos em frente...

Matheus Pereira

2 comentários:

Parabéns!! Parabéns!! Uhul!!!
1 ano e para comemorar muita Pipoca!!!
hehehehehhe

Belas palavras, Math, grande amigo, irmão!

Eu realmente preparo algo, vou explicar minha demora quando postar.

Mas, enfim, que este seja o primeiro ano de muitos que virão. E vamos construindo esse segundo ano!!!

Enfim, parabéns a todos que fazem parte desta história!

25 de agosto de 2010 10:44  

Sobrinho querido! Vcs crianças estão me fazendo acreditar que ainda resta uma esperança! Essa tia véia doida por cinema sente muito orgulho de vcs!

S2 S2 S2

25 de agosto de 2010 13:34  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial