Blogger Templates by Blogcrowds

Crítica - Arraste-me Para o Inferno


Irritar uma cigana com cara de bruca velha prá subir na vida, não é um bom negócio. Isso é o que descobre, da pior maneira possível, a fofa de bom coração Christine Brown(Alison Lohman). Depois de ter negada uma prorrogação da hipoteca de sua casa por Christine, a Sra. Ganush conjura prá cima dela um demônio chamado Lamia que, após torturá-la durante 3 dias, a conduzirá ao inferno, onde passará confortavelmente a eternidade.

Parece bom, não é?

E dá-lhe gosmas, babas, fluidos corporais e gororobas dos mais variados aspectos, cores e texturas sendo despejados em cima da menina, juntamente com muita porrada.

Consiguirá ela reverter a maldição, ainda que tenha seus princípios de boa moça pelo caminho? Essa resposta será dada com muitas risadas e alguns bons sustos pelo Sam Raimi (Homem Aranha e Evil Dead) Um roteiro esperto e bem amarrado garante a empatia do público com a mocinha que querendo acertar, só erra, e com seu namorado bonzinho que tem uma "bruxa" esnobe de alta sociedade como mãe. A cena do jantar em que Christine é atormentada por dois demônios, sendo um deles a própria sogra, faria chorar até um serial killer, que tanta pena da garota!

Personagens secundários como a cigana praguenta e assustadora, o vidente bem intencionado e a médium com antigas contas a ajustar com Lamia, são levados com competência por um elenco que percebe-se estar bem afinado com a proposta do diretor.

Que me perdoem os muitos fãs do Aranha (entre os quais me encontro), mas, por um filme desses, valeu à pena o aracnídeo ter sido deixado por algum tempo papando moscas. Os cansados serial killers e Jogos Mortais agradecem.

Nota: 8 / 10

Anabela

2 comentários:

Acho que vou tomar coragem e assistir esse filme na quinta mesmo sozinha...não dá para resistir....

2 de setembro de 2009 09:41  

Só toma cuidado com a baba da véia !

2 de setembro de 2009 12:30  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial